Brasil

Financiada por Elon Musk: Gina Carano processa a Disney e a Lucasfilm por tê-la demitido de The Mandalorian

A atriz de 41 anos, que interpretou Cara Dune por duas temporadas, expressou opiniões políticas de direita sendo contrária às políticas inclusivistas

Gina Carano y Elon Musk

A novela entre Gina Carano e a Disney dá uma reviravolta completamente inesperada. A atriz que interpretou Cara Dune em The Mandalorian processa a corporação e a Lucasfilm por tê-la demitido supostamente de forma injustificada e discriminatória em 2021. O mais bizarro é que terá o apoio financeiro de Elon Musk.

Nas últimas horas, Elon Musk iniciou uma guerra contra a Disney Entertainment através de mensagens em sua conta de X.

Um dos mais chamativos é um documento supostamente oficial da Disney, no qual os padrões de inclusão das minorias nas produções que fazem parte da corporação Disney Entertainment estão regulamentados.

Para Elon Musk, isso é "racismo e sexismo obrigatórios e institucionalizados", como ele disse em uma postagem em sua conta de X.

No meio dessa enxurrada de Elon Musk nas redes sociais, surge uma mensagem de Gina Carano em X, onde ela conta todos os detalhes de sua ação judicial contra a Disney e a Lucasfilm.

"Hoje é um dia importante para mim: vou apresentar uma ação contra a Walt Disney Co., Lucasfilm e Huckleberry Industries, por demissão injustificada, é claro", começa sua mensagem em uma postagem de X.

A Gina Carano foi demitida de seu papel em The Mandalorian por ter feito postagens em suas redes sociais, onde expressava seus pensamentos políticos de direita, fazendo piadas sobre máscaras durante a pandemia e sugerindo que ser Republicano é como ser judeu durante o Holocausto. Em sua ação judicial, ela afirma que suas “palavras foram constantemente distorcidas para me demonizar e desumanizar como uma radical de extrema direita”, disse.

"Foi uma campanha difamatória e de assédio destinada a me silenciar, destruir e me tornar um exemplo. O caso é que nem mesmo usei uma linguagem agressiva. Compartilhei citações, imagens, memes que convidavam à reflexão e ocasionalmente usei minhas próprias palavras, não com agressão, mas com respeito e algum humor ocasional para manter o clima alegre em tempos sombrios", esclarece Gina Carano em sua extensa postagem de sua conta em X.

A chegada de Elon Musk através de X

Gina Carano explica que viu um tweet de Elon Musk em X, no qual ele explica que a plataforma de redes sociais está disposta a ajudar aqueles que tiveram seus direitos de liberdade de expressão cortados.

Apresentou a sua proposta para ver se se qualificava e um advogado da empresa de Elon Musk entrou em contato para iniciar uma investigação sobre o seu caso.

“Os meus advogados e X acreditam de todo o coração no meu caso e estão avançando com ele. Gostaria de expressar o meu profundo agradecimento a Elon Musk por me dar a oportunidade de trazer o meu caso à luz do dia”, afirmou Gina.

O melhor de tudo é que Gina Carano não está pedindo uma quantia milionária para compensar sua situação financeira. De acordo com um relatório do Los Angeles Times, ela está pedindo 75.000 dólares e para que seu papel como Cara Dune em The Mandalorian seja devolvido a ela.

Tags

ÚLTIMAS NOTÍCIAS


NÓS RECOMENDAMOS